Justiça

Operação Ouro Verde: medida cautelar derruba temporária

O Presidente da rede Anhanguera de Comunicação, Sylvino de Godoy, teve uma liminar concedida pela Justiça.

 

A Justiça concedeu a liminar, pedida pela defesa de Sylvino de Godoy, que pedia a substituição da prisão temporária dele por medidas cautelares. Ou seja, a partir de agora Sylvino não poderá se ausentar da cidade, da casa onde mora e deverá informar as atividades à justiça. Ele também entregou o passaporte à Justiça e não poderá contactar os demais envolvidos na Operação Ouro Verde.
A Carolina Cerqueira trouxe mais informações do caso na edição desta quarta-feira, 28 de novembro, do #SPRecord, que vai ao ar de segunda a sexta-feira, a partir das 18h50, na #TVBRecordTV.

 

Mais de Justiça